Paranóia pré-eleitoral

Como justificar a idéia da prefeita Luizianne Lins de cogitar sabotagem na queda das arquibancadas na avenida Domingos Olímpio? Paranóia pré-eleitoral. E uma dose de lunatismo também. Não cheguei a ir à avenida depois que a montagem das arquibancadas foram concluídas, mas o que pude ver pela TV revelou uma estrutura mal feita e “profissionais” que não se preocupavam nem mesmo com a segurança deles mesmos e não usavam equipamentos de segurança, como botas e capacete – isso foi revelado pela repórter Aline Oliveira em matéria exibida na semana passada no Bom Dia Ceará. Sem contar que as armações de ferro estavam calçadas em pedaços de madeira. Como o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil deixaram passar essas coisas tão primárias?

Se Luizianne acha que vai desviar a atenção do eleitor com essa lorota de sabotagem está bem enganada. Que tal descer dos camarotes do sambódromo do Rio de Janeiro e encarar que a Prefeitura não está se dedicando como deveria ao Carnaval de Fortaleza?